Apartamento Bossa Nova

Ambientação, Residenciais, Todos

Apartamento Bossa Nova

2011. Residências. Fortaleza, Ceará, Brasil.

Equipe técnica: Projeto  Garcez Filho, Marisa Feitosa e Rafael Studart; Ambientação  Conceição Garcez; Desenhos  João Lopes.

O casal de clientes desejava um apartamento que traduzisse um bom gosto, com uma ambientação elegante, sóbria e sem excessos, preferencialmente em tons claros, capaz de colocar em destaque as peças ornamentais da coleção da família.

O projeto foi desenvolvido desde a construção do edifício, iniciando a compatibilização das modificações com o apartamento ainda na planta. Essencialmente, buscamos  fazer um diálogo coerente entre o clássico e o contemporâneo na busca pela elegância e sobriedade desejadas pelos clientes.

Assim, no mobiliário projetado e executado em marcenaria predominam as linhas retas e as formas ortogonais, e nas peças de mobiliário soltas aparecem linhas mais dinâmicas. Em contraponto, o clássico surge não apenas no estilo dos adornos – esculturas e peças de antiquário, com destaque para o lustre de cristais no centro da mesa de jantar -, mas também na simetria de algumas composições: é o caso do conjunto da sala de jantar e do bar na sala, e do painel da TV do quarto de casal. Além disso, destaca-se a tradição dos tapetes orientais da sala de estar e jantar.

Na ala íntima, no entanto, ocorre a predominância de uma das tendências, em razão das preferências de cada membro da família: enquanto a suíte do filho apresenta um desenho especialmente contemporâneo, com cores vivas e formas “limpas”, obtidas com trabalho de marcenaria,

nas suítes das meninas a linguagem é claramente clássica e feminina, com as cores suaves e as formas curvilíneas e delicadas de mobiliário e adornos de referência provençal. A suíte do casal apresenta a contemporaneidade das linhas retas e da assimetria (caso do painel atrás da cama), unido ao classicismo dos tons suaves e da sobriedade da composição.

Em todo o apartamento, a alternância de tratamento entre os planos verticais, com diversas texturas e materiais, confere dinamismo e interesse visual aos ambientes. O grande interesse da família por peças antigas e obras de arte orienta a concepção do projeto: os espaços para exposição foram cuidadosamente concebidos como cenários para as peças. Um exemplo disso é o hall da entrada, cuja ambientação gira em torno do totem em mármore, concebido para apoiar uma das peças mais interessantes do acervo.

A iluminação valoriza as cores e formas das peças expostas, e ainda cria uma ambiência intimista e convidativa, na medida em que são utilizadas diferentes fontes luminosas.

Resultado: Clientes satisfeitos com o ambiente jovial e aconchegante desenvolvido.

Comentários